10 passos essenciais para quem está iniciando a carreira na área da saúde

Carreira na área da saúde

Planejar uma carreira na área da saúde se tornou mais importante do que nunca. Para você se destacar, é preciso ser um profissional dinâmico, proativo e com conhecimento amplo. 

Além disso, é necessário desenvolver habilidades que serão requeridas na jornada profissional. 

Então, para quem está iniciando a carreira na área da saúde, vale a pena buscar algumas dicas para fazer sua carreira decolar, não acha?

Se a área da saúde for mesmo a carreira profissional que você seguirá, este post será de grande ajuda. Confira abaixo os 10 passos essenciais para você ser um profissional da área de saúde devidamente valorizado!

1. Analise as tendências do mercado

O advento das novas demandas clínicas fez surgir empreendimentos e projetos profissionais nunca imaginados. 

Pensando nisso, é importante que os profissionais da área da saúde analisem o cenário externo e as principais necessidades clínicas, além de se envolver em projetos diferenciados e inovadores.

Prevendo essas necessidades e se preparando para conquistar oportunidades, com certeza não faltarão ambientes de trabalho aos profissionais mais engajados.

2. Mantenha-se atualizado

Cada vez mais temos estudos nas diversas áreas de atuação e, em saúde, isso acontece de forma rápida:

  • novo tratamento;
  • nova dieta;
  • novo medicamento.

Se você quer oferecer o melhor para seu paciente e ser o qualificado naquilo que faz, então é necessário estar em constante aprendizado:

  • participe de seminários;
  • acompanhe blogs, sites e profissionais referências na área da saúde;
  • faça cursos de extensão, principalmente, os mais longos como os de pós-graduação.

3. Invista em especializações

As especializações fornecem habilidades diferenciadas aos profissionais, que uma formação geral não alcança. 

Você poderá ser reconhecido na área da saúde por um tratamento específico, e isso pode te destacar de outros profissionais.

Mesmo assim, é fundamental ter conhecimento geral e visão ampla de todas as áreas relacionadas diretamente à sua atividade.

4. Desenvolva habilidades gerenciais

Um profissional da saúde precisa desenvolver habilidades gerenciais, como:

  • organização das atividades rotineiras;
  • elaboração de projetos;
  • capacidade para trabalhar hipóteses;
  • acompanhar indicadores;
  • apresentar resultados.

É crescente a procura por profissionais clínicos que desejam aperfeiçoar esses conhecimentos com cursos de gerenciamento hospitalar, auditorias em saúde e práticas para elaboração de projetos.

5. Habilidades e forças necessárias

Para quase todas as posições na área da saúde, é preciso trabalhar sob pressão e assumir responsabilidades. Você deve perceber que a saúde de uma pessoa e, às vezes sua vida, depende da qualidade do seu trabalho. 

Além disso, a maioria dos papéis exige excelentes habilidades interpessoais e de comunicação, pois você costuma trabalhar com pessoas de todas as faixas etárias e origens culturais/étnicas/religiosas. 

Na área de saúde, muitas vezes você terá que trabalhar por longas horas, o que requer flexibilidade e resiliência.

6. Aproveite as oportunidades

Dessa forma, o profissional da saúde iniciante adquire conhecimentos e experiência inestimáveis, que farão grande diferença no futuro da sua carreira.

Aproveite a estrutura do local em que você está trabalhando, tire dúvidas com profissionais mais experientes, conheça outros casos e troque informações com os demais especialistas de saúde. Você adquirirá conhecimentos nessa vivência prática.

7. Pratique a humanização

Tratar o paciente com todo o cuidado abordando as questões biopsicossociais é uma virtude que deve embasar todos os procedimentos de saúde. 

A humanização pressupõe o tratamento respeitoso, carinhoso e atento a todas as propriedades físicas, psicológicas, financeiras e medicamentosas.

Os profissionais da saúde devem acolher adequadamente os pacientes e responder ao questionamento, considerando sempre os sentimentos envolvidos.

8. Capacitação profissional — EAD 

Outro segmento de sucesso na área de saúde é relacionado à capacitação de profissionais a distância.

O EAD se aplica às empresas de saúde, por exemplo, com nutricionistas de sucesso que investem em conteúdo de mentoria on-line para orientar colegas da área.

Quando você se torna referência no seu segmento, as chances de atrair atenção dos colegas aumentam. Lembre-se sempre de gerar conteúdo de valor para conquistar sua audiência.

Nesses casos, é interessante você procurar por uma plataforma EAD que ofereça ferramentas de chat, fóruns de discussões e suporte às aulas on-line ao vivo para atender com qualidade essa demanda de clientes.

9. Defina metas de carreira na área da saúde

Obviamente, as metas nos ajudam a permanecer no rumo das carreiras que queremos, mas nem todas as metas são iguais. Além disso, objetivos que eram altamente atraentes para você anos atrás podem não ser mais do seu interesse. 

Se sua meta for grande e de longo prazo (obter um mestrado, por exemplo), talvez seja necessário dividi-la em objetivos menores e gerenciáveis de modo a evitar sobrecarga e frustração. 

Certifique-se de que você não está obcecado por uma estratégia específica, com a exclusão de outra que possa lhe servir melhor. 

10. Conheça seus contatos e a hierarquia

Especialmente na área da saúde, cada cliente terá um processo de compra diferente. Se você estiver trabalhando com um pequeno consultório médico, poderá lidar com um único tomador de decisões. 

Uma maneira de garantir que você não perca ninguém é reservar um tempo para mapear a hierarquia de compras do seu cliente e identificar os tomadores de decisão envolvidos no processo do ciclo de vendas. 

Conectar-se à equipe interna e todos os tomadores de decisão e influenciadores permitirá que você entenda as necessidades do cliente, construa um relacionamento duradouro e faça com que ele volte. 

Seguindo essas dicas de carreira, você certamente será um profissional da área da saúde mais bem-sucedido e de destaque no mercado de trabalho. Já se deparou com algo que mudou sua forma de pensar e agir enquanto profissional da saúde? Deixe seu comentário abaixo!

Deixe um comentário